O sucesso crescente das Startups no Brasil

O sucesso crescente das Startups no Brasil

As mais de quatro mil startups existentes atualmente no Brasil, são responsáveis por multiplicar a demanda por produtos ou serviços e atrair investidores interessados em ganhos de longo prazo. Segundo a Associação Brasileira de Startups (ABStartups), a estimativa é de que no ano passado tenham surgido cerca de mil novas empresas de tecnologia com grande potencial de crescimento, o que representa 30% a mais do que em 2014. E com esse mercado em constante crescimento, o Brasil já representa a quinta maior economia digital do mundo.2. Investimentos

Todo esse sucesso se deve ao baixo capital necessário para a montagem desse tipo de negócio, e também se deve um pouco a crise que atinge o país atualmente.

Com muitos trabalhadores desempregados ou recebendo baixos salários, muitos consumidores tem trocado a compra de um novo produto pela manutenção daqueles que já tinha em casa. O papel das startups nesse caso é conseguir oferecer para esse público um serviço ou produto com baixo custo, além de abrir espaço para que muitos trabalhadores autônomos ofereçam seus serviços para quem precisa deles, de uma forma mais prática e que atinge muito mais consumidores de uma vez.

É o caso da startup GetNinjas, que é uma plataforma online para recrutar mão de obra avulsa, como diarista, carpinteiro e pintor. A ideia de negócio surgiu quando seu idealizador, Eduardo L’Hotellier, sentiu na pele a dificuldade de encontrar bons profissionais para executar serviços domésticos.  Como essa dificuldade atinge a maioria das pessoas, a startup cresceu rapidamente e hoje conta com 130 mil profissionais cadastrados e 1 milhão de clientes mensais.

Já no caso do administrador Paulo Castello, sócio na startup Fhinck, o sucesso veio quando ele percebeu que a crise poderia estagnar a sua carreira executiva em uma grande empresa, onde trabalhava. “A crise estagnaria minha carreira”, diz Castello. “Hoje vendo um sistema que ajuda empresas a enfrentar a crise”.

Assim como a história dessas startups, existem milhares de outras ideias ganhando cada vez mais força no Brasil. Elas tem ostentado bons resultados, porque muitas delas na verdade tem como objetivo ajudar as pessoas a resolver problemas. “No momento de crise, empresas e consumidores buscam formas de reduzir custos e aumentar a produtividade”, explica André Monteiro, sócio e presidente executivo da rede de empreendedores Brazil Innovators.

Enquanto uma empresa tradicional cresce 10% ou 20% ao ano, uma startup tem um crescimento de mais de 200% ao ano. Isso porque ela usa modelos inovadores para vender e comercializar produtos através de padrões de negócios diferenciados e utilizando muita tecnologia.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Fale aqui
1
Olá, tudo bem !
No que posso te ajudar ?
Powered by