Câmara de Paulínia libera R$ 3 mi para o legislativo e contratação de servidores sem concurso

Câmara de Paulínia libera R$ 3 mi para o legislativo e contratação de servidores sem concurso

A Câmara Municipal de Paulínia aprovou na terça-feira (15) a retirada de R$ 3 milhões da Secretaria de Habitação para reforçar o seu próprio orçamento, que passou de R$ 27 milhões para R$ 30 milhões. Já a Habitação, que contava com um orçamento de R$ 17 milhões, caiu para R$ 14 milhões. A votação do pedido de abertura de crédito adicional suplementar aconteceu no último dia 20. No final de 2016 já havia sido feito um pedido de aumento no orçamento da Câmara, mas o mesmo teve sua reivindicação negada pelo executivo na época.

Com o novo orçamento, a Câmara conseguirá manter a estrutura do legislativo sem a necessidade de cortes de verba. A soma da verba normal e do dinheiro repassado da Habitação será suficiente para cobrir todas as despesas previstas para 2017.

Além dessa resolução, a Prefeitura da cidade poderá voltar a contratar 342 servidores públicos sem a realização de concurso. Essa ação estava proibida pela justiça desde 1º de janeiro deste ano. O prefeito Dixon Carvalho (PP) só precisa sancionar a lei antes de voltar a contratar os comissionados.

A solicitação de repasse de verba da Habitação para o orçamento da Câmara foi reprovada por apenas um vereador, Tiguila Paes (PPS). Já a reforma administrativa na Prefeitura foi aprovada por unanimidade entre os vereadores da casa.

A próxima sessão ordinária da Câmara está prevista para o dia 28 março, a partir das 18h.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Fale aqui
1
Olá, tudo bem !
No que posso te ajudar ?
Powered by